Ouça agora

Ouça agora

Rodeio Internacional de Vacaria começou no sábado (03) com 13 mil competidores

Postado em 08/02/2024 por

Compartilhe agora.

O 35º Rodeio Crioulo Internacional de Vacaria, na Serra, que acontece a cada dois anos, será realizado de 3 a 11 de fevereiro no Parque de Exposições Nicanor Kramer da Luz. Devido à pandemia, a última edição aconteceu em 2020. O evento é organizado pelo CTG Porteira do Rio Grande.

A laçada de abertura foi no sábado (3) realizada por um laçador de Tupanciretã que não tem o braço esquerdo narrada por um menino de 8 anos, de Caxias do Sul. O uso da tecnologia será um dos destaques do evento.

“A novidade desta ano é que instalamos cabos de fibra ótica para permitir uma melhor conectividade dos visitantes. Além disso, as provas foram todas informatizadas, dispensando as planilhas em papel”, explica o patrão do CTG, Rubem Filho.

Nos nove dias de festa, são esperadas cerca de 500 mil pessoas, vindas do Brasil e exterior, além de 4 mil competidores nos concursos artísticos e 9 mil nas provas campeiras em mais de 40 modalidades como laço, gineteada e danças tradicionais. A premiação aproximada é de R$ 1 milhão.

Economia

O evento, considerado o maior do gênero no estado, é um exemplo de como as festas campeiras tem potencial para movimentar a economia do estado. Só o rodeio de Vacaria tem orçamento de R$ 8 milhões em despesas diretas. Por isso, a festa foi escolhida para a divulgação da primeira parte do estudo realizado pela Universidade Feevale, que está medindo o tamanho dessa economia.

Os números serão apresentados em coletiva de imprensa no dia 6 de fevereiro, às 14h30, durante o rodeio. E levam em conta toda a cadeia produtivas dos rodeios. Caso das atrações musicais, comuns nesses eventos.

Em Vacaria, por exemplo, mais de 30 artistas e grupos farão shows todas as noites na Concha Acústica, além dos nove bailes que acontecem no Circão de Lona, com a animação de 18 conjuntos (com ingresso pago à parte, por R$ 50).

Durante o rodeio, também acorre o X Rodeio Crioulo Nacional do Alvorecer Tradicionalista, com o objetivo de incentivar a manutenção da tradição gaúcha através das crianças com até 13 anos, nas categorias pré-mirim e mirim.

Outro atrativo é o 14º Festival Cante uma Canção em Vacaria, onde são apresentadas músicas gaúchas inéditas, que acontece nos dias 3 e 4. A programação completa pode ser acessada pela internet.

Serviço

Os ingressos variam de R$ 10 a R$ 30, dependendo do dia da semana, e o passaporte para todos os dias custa R$ 150. Crianças até 10 anos têm entrada liberada. Os estacionamentos custam entre R$ 20 e R$ 40. O passaporte para todos os dias custa R$ 270.

O vento conta com competidores inclusive de Barracão. Com representantes do CTG Rincão dos Bergamo.

Fonte: G1RS

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.

um × 4 =