Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Governo do RS anuncia investimento de R$ 280,3 milhões em Segurança Pública:

Postado em 21/10/2021 por

Compartilhe agora.

Com investimento de R$ 280,3 milhões, o governo do Rio Grande do Sul anunciou na manhã desta quinta-feira o lançamento do programa Avança na Segurança. Os projetos e recursos previstos até o final de 2022. Em cerca de 15 dias serão anunciados os recursos para a área do sistema prisional, incluindo uma solução final para a Cadeia Pública de Porto Alegre (antigo Presídio Central).

O governador Eduardo Leite observou que os recursos para o setor de segurança pública, todos próprios, representam “o dobro do total que o Estado investiu nos últimos 13 anos, ao longo de 2007 até 2020”. Segundo ele, a maior parte dos investimentos já está com processos em andamento. “Já fomos nos preparando, organizando…A SSP tem boa capacidade de execução e a maior parte do investimento acontece até o final do próximo ano”, adiantou.

A Brigada Militar ficou com R$ 116,9 milhões, enquanto à Polícia Civil coube R$ 85,8 milhões. Já o Instituto-Geral de Perícias ganhou R$ 14,7 milhões. Por sua vez, o Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul recebeu R$ 38,6 milhões. Os recursos são destinados à aquisição de veículos, tecnologias, obras, armas e obras. Em torno de R$ 24,3 milhões foram direcionados para a própria Secretaria da Segurança Pública do Estado. 

O lançamento ocorreu no estacionamento da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), entre as avenidas Padre Cacique e Edvaldo Pereira Paiva, no bairro Praia de Belas, em Porto Alegre.

Ele lembrou que o RS já reduziu mais de 30% os homicídios ao longo dos dois anos e em mais de 50% os roubos de veículos, além de mais de 70% nos roubos a bancos. “Isto é fruto de uma ação coordenada e de um avanço determinante no processo de integração das nossas forças de segurança”, frisou. O governador enfatizou ainda o emprego das forças de segurança de “forma inteligente e qualificada”.

Eduardo Leite aproveitou para informar sobre a situação dos escombros da sede da SSP na rua Voluntários da Pátria, na Capital, atingida por um incêndio e desabamento, na noite de 14 de julho deste ano. “Está em um processo agora com todos os laudos sendo feitos para a contratação até o final deste ano para fazermos a demolição”, explicou. “Paralelamente estamos desenvolvendo projetos de um ou mais prédio para ocupação daquele espaço”, revelou. 

O vice-governador e secretário estadual da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, arriscou um prazo para ser feita a implosão. “Vamos ver se conseguimos fazer ainda em dezembro. Trabalhamos com esta hipótese..É o nosso desejo”, declarou.

Sobre o lançamento do Avançar na Segurança, Ranolfo Vieira Júnior esclareceu que o programa foi “pensado a partir das instituições de maneira integrada, como tem sido no RS Seguro, dentro da atribuição de cada uma”. 

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.